Conheça 8 alimentos que dão energia e que aumentam a disposição!

Comer corretamente é fundamental para ter saúde. Se você precisa de disposição, o ideal é focar em um cardápio que vai fazer você atingir esse objetivo. Da mesma forma que existem alimentos que dão energia, há aqueles que a reduzem no nosso organismo.

Quem pensa que a alimentação é o combustível do organismo está certo. Porém, ela também pode ter efeito contrário se não for equilibrada. Por isso, quanto mais conhecimento sobre o assunto, melhor.

E, para ajudar, preparamos este texto em que você vai descobrir qual o cardápio ideal para ter mais vigor.

Relação entre alimentação e disposição

A relação entre a alimentação e boa disposição parece até óbvia. Entretanto, deve ser analisada com atenção, pois comer nem sempre significa acumular energia.

Quando equilibrado, composto por nutrientes necessários para a saúde, o cardápio é benéfico para quem o consome. Mas quando é desequilibrado — cheio de frituras, excesso de carboidratos e gorduras — se torna um vilão para a saúde.

Para ganhar mais disposição é importante saber quais alimentos consumir. Não basta que eles sejam saudáveis, é preciso que eles forneçam energia de qualidade e isso nem todos proporcionam.

Alimentos que dão energia

São importantes principalmente para atletas e adeptos de atividades físicas. Mas se você está precisando daquela forcinha a mais para um dia de trabalho mais puxado ou para uma rotina pesada de estudos, os alimentos a seguir também são uma ótima opção:

1. Açaí

Mesmo tendo alto valor calórico, o açaí é uma ótima fonte de energia. O alimento possui baixo índice glicêmico, além de ser fonte de propriedades antioxidantes, vitaminas, magnésio, potássio e cálcio.

Em sua composição você também encontra ômega 3 e 9, gorduras boas que ajudam a diminuir os níveis de colesterol ruim — LDL — e a aumentar o colesterol bom — HDL.

Por ser muito calórico, deve ser consumido com moderação e jamais substituir as refeições, pois em longo prazo pode acarretar deficiências nutricionais.

2. Banana

Além de ser rica em carboidratos, que é essencial para o fornecimento de energia, a banana possui magnésio e diversas vitaminas, dentre elas: A, C, D e as do complexo B.

Na fruta também se encontra triptofano — aminoácido que melhora o humor e regula o sono, fazendo com que seus benefícios não sejam apenas físicos.

E, por fim, contém potássio, que previne câimbras, fraqueza muscular, apatia e fadiga. Daí percebe-se por que essa fruta é tão recomendada para atletas de todos os esportes.

3. Água de coco

Imagine por um momento uma bebida saborosa, com poucas calorias, de baixo teor de sódio e repleta de potássio e carboidratos.

A água de coco é considerada um energético natural e não deve ser consumida apenas no verão. Além de manter o corpo hidratado, essa bebida reduz o cansaço e o estresse devido à presença do magnésio e do potássio.

4. Guaraná

O guaraná é uma das fontes de energia mais conhecidas, principalmente pelos atletas e frequentadores de academia. Seus efeitos energizantes se devem à estrutura de uma substância da fruta, a guaraína, que é semelhante à da cafeína.

Na verdade, o guaraná pode ser até mais estimulante do que o café no que se refere ao seu poder energético. Se consumido em pequenas doses, a fruta é eficaz no combate à fadiga, além de melhorar o ânimo e a disposição.

A fruta disponível na forma de extratos, proporciona vários benefícios somados ao de fornecer energia para o organismo. Dentre eles podemos citar: alívio para dores de cabeça, controle dos níveis de colesterol, aumento da concentração e melhor desempenho nos exercícios.

No entanto, você não poderá se esquecer de que alimentos feitos com guaraná e ricos em açúcar podem fazer mais mal do que bem. Entre eles, estão incluídos os refrigerantes e o xarope de guaraná.

5. Aveia

Cheia de carboidratos e com baixo índice glicêmico, a aveia é mais um dos alimentos que dão disposição. Rico em minerais, vitaminas do complexo B e antioxidantes, o cereal ajuda a melhorar a oxigenação do cérebro, fazendo com que o órgão receba mais energia.

Outra vantagem da aveia é a sensação de saciedade que proporciona. Basta adicioná-la em sucos e vitaminas e aproveitar seus benefícios.

6. Chocolate amargo

Além de delicioso, o chocolate amargo também é nutritivo e cumpre bem seu papel na hora de aumentar a energia. É que o alimento contém teobromina, um estimulante natural semelhante à cafeína. O chocolate, além de aumentar a disposição, melhora o humor.

Seus benefícios não param por aí, pois a presença de antioxidantes previne o envelhecimento precoce e melhora a saúde do coração. Mas escolha sempre o amargo, assim você se livra do excesso de gordura e do açúcar presentes nas outras versões.

7. Ovos

Apesar de ter sido vilão das dietas por muito tempo, hoje o ovo é visto com bons olhos por médicos e nutricionistas. Ele é rico em tiamina, folato, riboflavina e vitaminas B6 e B12, todos nutrientes que aumentam a disposição.

Na verdade, o ovo é considerado um alimento completo, perdendo apenas para o leite materno quando se trata de valor nutritivo. Esse alimento está à frente até mesmo da carne, do leite e do peixe.

É que a gema possui gorduras saudáveis, enquanto a clara é rica em proteínas. E essa combinação é perfeita para aumentar os níveis de energia.

8. Oleaginosas

Fazem parte desse grupo: nozes, amêndoas e castanhas. As oleaginosas têm nutrientes que agem no controle da pressão arterial, dos triglicerídeos e glicerídeos.

São fonte de gorduras insaturadas, proteína vegetal, magnésio e sais minerais, que ajudam no combate ao estresse e na produção de energia.

Alimentos que roubam energia

Agora que você já sabe a quais alimentos recorrer quando precisar de força extra, conheça também os que devem ser evitados.

É preciso aprender a escolher o cardápio de forma inteligente e evitar alimentos ricos em gordura e açúcar, pois provocam má digestão e indisposição, além de serem prejudiciais à saúde. São eles:

  • doces;
  • frituras;
  • café com açúcar;
  • bebida alcoólica;
  • refrigerantes.

Sendo assim, quando o objetivo for ganhar disposição, seja para a atividade física, seja para um dia mais corrido, fuja deles, principalmente dos que possuem alto índice glicêmico, como os doces.

Esse tipo de alimento faz com que o pâncreas produza uma carga excessiva de insulina, provocando fome assim que a glicose sai da corrente sanguínea. Isso significa que a energia proporcionada dessa forma não é suficiente. Então, é como se o seu corpo sentisse que não comeu, mesmo tendo se alimentado há pouco tempo.

E então, gostou de conhecer os alimentos que dão energia? Se quiser receber mais conteúdos como esse, assine nossa newsletter e não perca nenhuma atualização!

Sobre Blog BEM SAUDÁVEL

Este blog é uma iniciativa da Unimed Belém e, o seu conteúdo, é voltado para orientar e inspirar pessoas que buscam uma vida mais saudável, feliz e equilibrada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *